Thursday, May 26, 2011

Mudança pela renovação da mente



Texto: Rick Warren*

Quase todos nós temos algo que gostaríamos de mudar em nós mesmos, no nosso trabalho, nos relacionamentos ou nas ações e hábitos diários. Para mudar nossa vida, entretanto, é preciso mudar primeiro a forma como pensamos. Por trás de tudo quanto fazemos está um pensamento. Todo comportamento é motivado por uma crença. E cada ação é induzida por uma atitude.

Ouvindo os gurus dos tempos modernos falam sobre isso pode parecer que se trata de uma descoberta surpreendente. Mas Deus revelou essa verdade milhares de anos antes que psicólogos a compreendessem: “Tenha cuidado com o que você pensa, pois a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos” (Provérbios 4.23).

Para ilustrar, imagine-se num lago navegando em uma lancha, cujo piloto automático o está levando para leste. E você decidiu reverter o curso e rumar para oeste. Haverá duas maneiras possíveis para fazer isso. Uma, agarrando o leme e fisicamente forçar a lancha a ir em direção oposta; usando força você poderia superar o piloto automático, apesar de contínua resistência. Seus braços ficarão cansados e acabarão tendo que soltar o leme e a lancha voltaria instantaneamente para leste. A mudança será apenas temporária. Ao deixar de forçar a mudança, tudo voltará ao que era antes.

É o que acontece quando tentamos mudar nossa vida pela força da vontade. Dizemos a nós mesmos: “Vou me obrigar a... comer menos; parar de fumar; deixar de ser desorganizado; de me atrasar; não responder irritadamente quando estou sob pressão”... Força de vontade produz mudanças de curta duração e cria estresse interno constante, porque não lidamos com a raiz das causas daquilo que pretendemos mudar. Fazer mudanças não parece ser natural, exigindo muito esforço e força de vontade. E assim, desistimos e deixamos prá lá a dieta, acendemos outro cigarro, chegamos atrasados para reunião importante e reagimos com irritabilidade despropositada.

Mas existe maneira melhor e mais fácil: mudar o “piloto automático” – nossa maneira de pensar. Ou, como a Bíblia diz, nos dispondo a permitir que Deus a mude. “Deixe que Deus o transforme numa nova pessoa mudando a maneira como você pensa...” (Romanos 12.2 – tradução livre).

Mudanças devem começar na mente. A maneira como pensamos determina como nos sentimos e isso influencia nossas ações, o que significa que “é preciso haver uma renovação espiritual de nossos pensamentos e atitudes” (Efésios 4.23 - tradução livre).

Ter a mente de Cristo. A Bíblia ensina a ter “a mente de Jesus Cristo” e chama essa mudança mental de “arrependimento”. A palavra no original grego (metanuo) significa literalmente “mudança de mente e de direção” (Marcos 1.17).

Mude o modo de pensar. Mude sua maneira de pensar sobre Deus, sobre você mesmo, sobre o pecado, sobre outras pessoas, a vida, seu futuro. Tudo enfim. Adote a perspectiva de Cristo a respeito da vida, seguindo-O!

*Rick Warren , escritor e conferencista. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes.

Sunday, May 15, 2011

Massey Ferguson amplia opções de inscrição para Prêmio de Jornalismo




Jornalistas que produzem matérias sobre o agronegócio para revistas, jornais, internet, televisão e fotos para veículos impressos, agora contam com um formato facilitado para inscrições no Prêmio Massey Ferguson de Jornalismo. Até 15 de julho, os jornalistas podem enviar seus trabalhos pelo correio ou pela primeira vez na história do prêmio, por e-mail. Outra forma de inscrição é com o depósito da documentação diretamente em um totem do prêmio nas concessionárias matrizes da Massey Ferguson pelo Brasil.

Anualmente, a premiação é dividida em cinco categorias (televisão, internet, jornal, revista e fotografia). No ano do cinquentenário da marca, serão duas novas categorias com matérias que contemplem o futuro do agronegócio. Nesta categoria, podem ser inscritas reportagens produzidas por profissionais em veículos de imprensa e também, concorrendo a outra prêmio, estudantes de jornalismo com trabalhos feitos para uma disciplina ou jornal-laboratório impresso, revista, internet ou TV.

As informações para a inscrição podem ser conferidas no blog: http://www.massey.com.br/portugues/premiojornalismo/index.asp

Jornal BLEH!

Followers